Empreendedorismo

Empreendedorismo

empreendedorismo - ideias

Quando a expectativa de mercado não vai ao encontro daquilo que gostaríamos de fazer profissionalmente, podemos optar por criar o nosso próprio emprego.

Mas o ser empreendedor, além de benefícios, pode trazer também alguns riscos, dificuldades e dúvidas.

Na Rede São Domingos Emprega, podemos ajudar com as questões relacionadas com este tema.

O que é?

O empreendedorismo, de uma forma geral, surge associado não só a boas ideias mas também a uma necessidade existente no mercado. Determinada pessoa deteta-a e decide investir nela.

Este investimento não é apenas financeiro mas também emocional e profissional. Visa dar resposta ao desejo de trabalhar em determinada área e/ou criar o próprio emprego após uma situação de desemprego ou, em muitos casos, de descontentamento com a situação profissional em que se encontra.

No entanto, para criar o seu próprio emprego, deve primeiro conhecer alguns factos como, por exemplo, que existem cinco tipos de empreendedorismo.

Tipos de empreendedorismo

Empreendedorismo comum

Quando pretende montar o seu próprio negócio, é necessário estudar muito sobre o produto/serviço e o impacto que o mesmo poderá ter em determinado mercado.

É necessário um investimento monetário, correndo os riscos associados, mas também ter uma visão de longo prazo para o retorno do capital aplicado.

Empreendedorismo social

O empreendedor social é aquele que tem como objetivo o desenvolvimento comunitário, ecológico ou educacional. O objetivo da ideia de negócio é o bem-estar de um conjunto de pessoas.

O lucro que resulte desta atividade será sempre para manter o projeto e para investir numa determinada comunidade.

O foco do negócio são produtos ou serviços que visem a inclusão social, a diminuição da escassez económica e o combate à desigualdade de certos setores sociais.

Empreendedorismo corporativo

Aplica-se quando alguém já faz parte de uma empresa e está numa posição que lhe permite desenvolver determinado setor e continuar a promover o seu lucro.

Por norma estes empreendedores possuem ideias que permitem o crescimento da empresa em que estão a trabalhar.

Apesar da empresa não lhes pertencer, são pagos para continuar a fornecer ideias para o desenvolvimento do negócio.

Empreendedorismo franqueado ou de franchising

Se pretende fazer um investimento sem correr demasiados riscos, existe a possibilidade de compra de uma franquia. Isto é, de investir em negócios que já possuem uma campanha de marketing própria, assim como um funcionamento com regras definidas e semelhantes para todos os estabelecimentos franqueados.

São exemplos deste tipo de negócio: cadeias de restauração ou centros de formação.

Empreendedorismo do conhecimento

Para empreendedores que possuem formação e capacidade para atuar em determinado nicho de mercado, que pode estar ligado ao desporto, às artes ou a áreas científicas.

Por norma, este empreendedor procura a realização pessoal através do seu ofício e o seu lucro é proveniente da capacidade de dar resposta às suas próprias expectativas.

Ser empreendedor é criar algo diferente e com valor, com dedicação, tempo e esforço. É assumir riscos financeiros, psicológicos e sociais mas também atingir a satisfação pessoal e económica.

O ser empreendedor permite-lhe obter independência, realização profissional, controlar o seu destino, ter liberdade e autonomia, qualidade de vida e flexibilidade de horário. No entanto, não deve nunca esquecer-se dos riscos, do facto de poder ter que trabalhar mais e mais horas do que num trabalho por conta de outrem, assim como de que o retorno do seu investimento não é imediato.

Venha descobrir tudo o que precisa para abrir o seu próprio negócio.